O que precisa ter no TCC? Nunca mais tenha dúvidas!

O que precisa ter no TCC

Se você ainda não pensou em “O que precisa ter no TCC?”, você é um sortudo. A verdade é que a maioria das pessoas que estão próximas a se formar se deparam com ele e alguns ficam até ansiosos.

Entretanto, não é preciso ficar desse jeito não! Dá para fazer um TCC de maneira tranquila sem gastar sua sanidade.

Ficou curioso? Então, eu juntei a maioria das informações que você precisa para saber “O que precisa ter um TCC” e nunca mais ter dúvidas a respeito dele.

O que é um TCC?

TCC significa Trabalho de Conclusão de Curso, ele é um projeto que é realizado no final da graduação, mestrado, especialização, doutorado e outros cursos de titulação.

Nesse sentido, ele é configurado para apresentar de maneira clara toda a sua trajetória científica naquela formação. Ou seja, provar que você dispõe dos conhecimentos e rigores científicos adequados para receber o diploma que o TCC vai lhe proporcionar.

Antes de mais nada, é interessante lembrar que embora a maioria das instituições usem a Monografia como Trabalho de Conclusão de Curso, ela não é a única opção disponível.

Atualmente, principalmente nos cursos de artes, é possível entregar um documentário, uma produção artística, um relatório, um protótipo etc. como trabalho final. A ressalva é apenas para a defesa, que acontece da mesma maneira independente do produto entregue.

Por que preciso fazer TCC?

Nesta altura você deve estar pensando “Ok, já entendi o que ele é, mas por que preciso fazer um? E o que um precisa ter no TCC?”.

Então, a necessidade de se fazer um TCC parte da métrica de que, ao terminar o curso, você possui uma maturidade científica maior de quando ingressou. Por isso, tem o direito de receber o diploma, o TCC é então o “teste final”.

Sim, o último passo para finalizar sua trajetória na instituição com chave de ouro e mostrar que realmente tem o mérito do título a receber. Além disso, para muitas pessoas o TCC pode ser uma porta de entrada para o mundo científico.

Dependendo da abordagem que você decida dar ao seu projeto é possível continuar a pesquisa ao continuar os estudos. Já pensou em ser um cientista ou um professor universitário? Ou os dois juntos?

Escolhendo o tema e o orientador

Assim, o primeiro passo para iniciar seu TCC é escolher um tema que lhe agrade e escolher um professor que aceite orientá-lo. É comum que em alguns casos o professor veja potencial no aluno e faça um convite para que eles pesquisem juntos.

Isso pode ser um belo de um gancho para seu mestrado, pois você já vai ter um vínculo com a pesquisa e um provável orientador. Entretanto, não precisa se preocupar se não for convidado, você também pode trabalhar com algo que lhe motive.

Essa na verdade é a melhor dica, escolha sempre uma linha com a qual realmente queira trabalhar, pois passará pelo menos um semestre com isso. Há ainda, hoje em dia, pessoas que estudam temáticas mais contemporânea como redes sociais, séries, músicas e outros produtos culturais.

Para finalizar, ao escolher seu orientador, procure alguém que seja compromissado, seja “rígido”, no sentindo de te cobrar bastante, e saiba cumprir os prazos estabelecidos. Ah! É claro, saiba orientar, para isso consulte estudantes que fizeram projetos com ele.

A melhor estrutura para seu Trabalho de Conclusão de Curso

Como disse, há uma variação grande de formatos para o seu TCC, mas se for se apegar ao modo tradicional, a estrutura dele será da seguinte forma:

  • Capa.
  • Folha de Rosto.
  • Folha de Aprovação.
  • Dedicatória.
  • Agradecimentos.
  • Epígrafe.
  • Resumo.
  • Abstract.
  • Listas.
  • Sumário.
  • Introdução.
  • Desenvolvimento.
  • Conclusão.
  • Referência.
  • Anexos.
  • Apêndices.

Para entender em detalhes como escrever cada uma desses itens, acesse o artigo sobre estrutura de trabalhos acadêmico.

O que precisa ter no TCC: o cronograma pode ser seu melhor aliado

Dessa forma, você já pode respirar mais aliviado, pois agora vou te dar a dica de ouro para não se enrolar nos papéis do TCC. O melhor caminho é criar um Cronograma que dê certo e cumpri-lo. Assim:

  • Anote tudo que precisará ser feito na sua pesquisa.
  • Veja o tempo disponível para as atividades.
  • Separe um tempo para as leituras, para prática e a escrita.
  • Preveja até mesmo o tempo de reparação para a sua apresentação final.
  • Mantenha-se apegado ao cronograma e, é claro, faça os ajustes necessário.

O Cronograma abaixo é um modelo que usei para a produção de meu primeiro trabalho científico.

O que precisa ter no TCC
O cronograma ajuda a organizar melhor cada atividade a ser desenvolvida

Jamais cometa plágio em seu TCC

Um tema bastante polêmico que você já deve ter ouvido falar ao pensar em “O que precisa ter no TCC?” são os casos de plágio. Esse termo designa o roubo de propriedade intelectual.

Em outras palavras, significa que você está assinando algo com seu nome que não é ideia sua, não está dando os devidos créditos ao autor. Isso ocorre porque muitos estão acostumadas com pesquisas amadoras na escola, nas quais apenas fazem uma cópia de sites sem se preocupar com a apresentação do conteúdo.

Isso é totalmente errado e pode até gerar processo, para se livrar disso evite copiar trechos de outras obras sem citar o autor e jamais diga que escreveu algo que não produziu.

Para ajudar neste quesito a ABNT tem normas próprias de citação, você confere elas neste artigo aqui.

O que precisa ter no TCC: apresentação final

Depois de produzir o seu trabalho escrito, você precisa se preocupar com a apresentação oral ou defesa, que também é um momento importante. Para diminuir o nervosismo, treine bastante.

Faça slides que sejam limpos, não há necessidade de fazer uma cópia letra por letra do texto escrito. Peça para alguém revisar sua apresentação. No dia, passe confiança no tema, se errar, peça desculpa e corrija o erro.

Ao invés de pensar em coisas negativas, foque em apresentar o que pesquisou. Foque em pensar “Vou dar o meu melhor, a aprovação é consequência”. Para te ajudar a ter uma boa presença e se comunicar com clareza, eu separei o vídeo abaixo, espero que te ajude.

TCC para além da Universidade

Antes de caminharmos para o final desse artigo, eu gostaria de te informar que o TCC não precisa ser apenas um trabalho que você faz por obrigação. Há diversos casos de pessoas que tiveram seus Trabalhos de Conclusão de Curso premiados ou receberam propostas de emprego devido a boa produção.

Além disso, que estuda área de engenharia, química, bioquímica, física médica e outras áreas pode ter um profissional do mercado em sua banca e ter suas ideias patenteadas por uma empresa. Confira na ABP Educom alguns casos de destaque.

10 – Dicas para não se atrapalhar

Para que tudo dê certo no momento da sua pesquisa, escrita e apresentação do Trabalho de Conclusão de Curso, eu separei 10 dicas infalíveis. Então anota elas ai para saber o que precisa ter no TCC.

1.  Fique de olho no prazo

Crie um cronograma factível e esteja sempre de olho nas datas, nada de escrever em cima da hora ou não entregar o material que o orientador solicitou dentro do prazo.

A pontualidade pode te render bons frutos na universidade e ajuda a escrever com calma e tranquilidade.

2.  Escolha um tema que gosta

Como já cansei de falar, nunca escolha um tema por que algum colega falou que combina com você ou por pressão do professor. Pesquisar algo com o que não se identifica pode ser um tiro no pé e atrapalhar todo seu processo de escrita.

3.  Peça ajuda sempre que necessário

Não tenha medo de dizer que está perdido no projeto, peça ajuda ao orientador, aos professores, aos colegas de classe e até a coordenação se for necessário. Sem falar que você pode mudar de tema e de orientação se não estiver sendo bom para sua saúde mental.

4.  Não desanime

Um ciclo normal que acontece no momento de produzir o trabalho final é: ficar eufórico ao começar, achar que é coisa demais na metade, se desesperar e pensar que não vai dar certo, perceber que isso acontece com todo mundo, concluir que o melhor é você fazer o máximo que pode com esmero.

Por isso, não se desanime, persevere e vai produzir um bom trabalho. Ah! Esqueci de dizer que pode ser que você planeje fazer um trabalho grande demais e depois descubra que tenha que reduzir o objeto de estudo, é normal.

5.  Mantenha-se atualizado sobre o tema

Algo essencial é estar sempre por dentro dos temas que você quer pesquisar, isso serve principalmente para que aquele que ainda não está no momento do TCC, mas já está pensando sobre o assunto.

Ter um contato contínuo sobre o tema pode ajudar até a desenvolver uma linha de raciocínio melhor e estar mais “fresco” na hora de decidir o tema a ser estudado.

6.  Pense se vai fazer um trabalho teórico ou prático

Saber se quer fazer algo teórico ou prático também é importante. O primeiro tipo é aquele em que o pesquisador apenas recolhe dados bibliográficos e os compara.

Já no segundo tipo trabalho, além de consultar a bibliografia é necessário fazer testes e experimentos de comprovação. Lembre-se que os resultados não precisam dar positivo para você ser aprovado, se a sua hipótese foi refutada, você também tem um dado científico importante.

7.  Verifique se seu trabalho precisa do aval do Comitê de Ética

Geralmente, para trabalhos práticos que tem participantes humanos, o aval do Comitê de Ética é necessário. O Comitê é um órgão que serve para comprovar que sua pesquisa respeita os direitos humanos, dos animais, as legislações e outras diretrizes.

Se for necessário solicitar a aprovação dessa instituição, faça com bastante antecedência, pois eles demoram para analisar cada caso e podem solicitar reformulações.

8.  Escreva aos poucos

Nunca deixe para escrever tudo no último mês! Vá escrevendo conforme for obtendo resultados ou tendo insights. Deixar para escrever tudo no final pode gerar muita ansiedade e atrapalhar o processo de redação.

Além disso, tenha em mente que seu trabalho vai precisar passar por um processo de revisão e reformulação antes de ser entregue a banca, então não se apegue a primeira versão da escrita.

9.  Contrate um profissional para revisar seu trabalho

Para ter certeza que seu texto está coeso, coerente e erros, contrate um profissional que seja revisor para fazer algumas leituras seu texto. Já vi casos da pessoa se expressar equivocadamente e isso gerar problemas diante da banca.

10. Faça uma apresentação criativa

Abandone o jeito engessado de fazer a apresentação, nada de fazer uma leitura maçante ou falar baixo. Atraia a atenção de quem está presente, exponha suas ideias de modo desenvolto, descontraído e criativo.

Pronto! Agora você já pode começar a produzir seu TCC sem medo de ser feliz. Gostou do artigo? Compartilhe nas redes sociais para outras pessoas saberem o que precisa ter no TCC.

Compartilhar em mídias Sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo