Dicas de apresentações acadêmicas: as 15 melhores

15 dicas de apresentações acadêmicas

Que tal 15 dicas de aprestações acadêmicas para melhorar sua presença em eventos e seminários? Pois é, todo bom estudante sabe que vai ter que passar por esses momentos.

As apresentações é o momento em que seu professor tem a possibilidade de avaliar seus conhecimentos e desenvoltura com determinado tema. Sem falar que, quando você se expõe oralmente, você fortalece o seu aprendizado.

Para facilitar os momentos das suas exposições orais, eu recolhi as 15 dicas de apresentações acadêmicas que vão potencializar seus trabalhos.

Tipos de Apresentações acadêmicas

Antes de mais nada, é importante entender quais tipos de trabalhos são considerados produções acadêmicas. Lembrando que os locais dessas apresentações vão desde a sala de aula à eventos e congressos internacionais. Vamos conferir quais são elas?Apresentação normal: é aquele tipo de apresentação organizada pelo professor na sua sala de aula, não necessariamente ela terá um formato específico. Ainda assim, é o professor quem vai definir quais serão as diretrizes de sua apresentação em sala de aula.

Seminário: é uma exposição oral baseado em um texto científico ou técnico. Geralmente, o texto não é autoral, mas baseia-se em um conteúdo que os alunos já estão estudando.

Colóquio: é uma conversa formal a partir de informações expostas. O tom tem uma mecânica mais flexível, mas não deixa de ter todas as características de um linguajar acadêmico.

Posters e Banners: é o tipo de apresentação acadêmica em que você reúne sua informações visualmente em um desses suportes e exponha por meio da fala.

15 dicas para se sair bem nas apresentações

Acredito que, agora, já podemos começar nosso diálogo sobre as 15 principais dicas de apresentações acadêmicas. Confira:

1-  Faça seu próprio material de apresentação

dicas de apresentações acadêmicas
dicas de apresentações acadêmicas

A primeira dica parece ser besteira, mas você precisa criar seu próprio material de apresentação. Isso porque é comum que algumas pessoas deixem a responsabilidade em apenas uma pessoa do grupo ou até mesmo que alguns estudantes paguem para que os slides sejam preparados por terceiros.

Se quiser ter uma boa apresentação, jamais faça isso, pois o ritmo da sua fala e sua conexão com o material pode ser totalmente afetado. Além disso, será muito mais difícil comprovar a autoria do trabalho para o professor.

2-  Use slides e banners apenas como guias

Da mesma forma, é preciso ter em mente que o seu material de apoio deve servir como um suporte, não o contrário. É normal que muitos alunos fiquem apegados demais ao conteúdo escrito e se atrapalham na hora da comunicação.

Sim, o texto deve ser apenas um guia, use ele como consulta ou para reafirmar algum conceito. O melhor é que você saiba expor os dados com clareza, pausando a voz e apenas faça visitas pontuais ao poster ou banner.

3-  Tenha uma boa postura

Como você se coloca diz muito sobre se as pessoas vão prestar ou não atenção em você. Uma postura séria, sem muita movimentação, com um tom de voz mais contínuo, por exemplo, é melhor do que braços cruzados, voz tremida, e caminhar excessivamente no espaço.

Para aprofundar mais seu entendimento, eu separei uma dica deste vídeo feito pelo Marcello Pepe:

4-  Siga uma linha de raciocínio

Além disso, eu já vi muitos alunos que acabam se perdendo ao longo da apresentação, às vezes por conta de uma observação ou comentário secundário que se torna a discussão principal. Isso pode prejudicar tanto na avaliação que o professor faz quanto no entendimento dos demais presentes na plateia.

Para facilitar a compreensão, repasse antecipadamente sua apresentação e tenha certeza que todos os argumentos estão sendo seguindo uma linha coerente. De preferência, reúna os dados mais semelhantes, crie de acordo com seu desdobramento no tempo ou mesmo crie um script.

5-  Dicas de apresentações acadêmicas: Fale num bom ritmo e com clareza

Como já comentei, o modo como você se coloca verbalmente guia a compreensão de quem te assiste. Para tanto, lembre-se de impostar sua voz de acordo com o tamanho do ambiente ou use aparelhos que auxiliem, como microfones.

Você também precisa ter certeza que todo o grupo domina o trabalho para que não haja disruptura de uma parte para outra. Por isso que a dica sempre é falar com calma e em seu ritmo natural, nada de correr na comunicação ou se “embananar” na fala.

6-  Não seja prolixo

Já ouviu falar de “falar groselha” ou de “encher linguiça”? Esse é o significado da palavra “prolixo”. Esse tipo de fala aparece em dois momentos, quando a pessoa não está acostumada com a estrutura do trabalho acadêmico e quando não houve uma preparação adequada da apresentação acadêmica.

Para evitar isso, enxugue a sua informação passada, por exemplo, use uma estrutura como:

  • Dê o conceito.
  • Apresente uma explicação alternativa – use os termos “ou seja”, “ou melhor”, “melhor dizendo” etc.
  • Mostre um ou dois exemplos do que está sendo dito.

Mais do que isso pode ser maçante e acabar diminuindo a qualidade de sua comunicação, além de perder nota, você perde a atenção dos presentes.

7-  Organize bem com o grupo e estejam em sintonia

Para que tenha uma boa apresentação de trabalho, você e sua equipe precisam ter participado de todas as etapas em conjunto. Isso porque é muito mais fácil de manter uma coerência na apresentação.

O mesmo não acontece quando cada um faz um pedaço do trabalho isoladamente e no final o grupo reúne as partes, além disso, o professor pode realizar uma pergunta para algum membro que não se dedicou o suficiente à pesquisa e acabar, mais uma vez, diminuindo a nota final.

8-  Treine a apresentação antes

A prática leva à perfeição, por isso, uma de nossas dicas de apresentações acadêmicas é que treine bastante antes de começar sua comunicação. Se o trabalho for em grupo, os encontros antes podem ser o momento de certo de comprovarem se todos compreenderam a a teoria, se o tempo de cada um está adequado e, principalmente, se há uma sintonia no grupo.

Inclusive, isso ajuda a alguns membros do grupo que tenha menos domínio do tema. Entretanto, caso você esteja realizando sozinho, peça a outra pessoa que domina o tema que lhe veja antes para saber se você está sendo claro na exposição de seus argumentos.

9-  Adapte sua fala ao público

Não esqueça de usar termos adequados ao seu público, isso serve tanto para usar temos técnicos ao falar com autoridades, quanto termos mais brandos a lidar com a comunidade externa.

10- Apresente dentro do tempo

A questão da gestão do tempo é sempre complicada de ser analisada nos trabalhos acadêmicos, isso porque o professor precisa definir o tempo que cada um usará. Mas isso não significa que você precisa usar todos os minutos disponíveis, tanto quanto não extrapolá-los.

O mesmo serve para comunicações em Congressos, isso porque nelas há alguém que lhe comunica de todo o seu turno. Por isso, não chegue atrasado nem passe do tempo.

11- Teste todos os equipamentos antes

Dicas de Apresentações Acadêmicas
Tenha certeza que tudo está funcionando bem para a sua apresentação acadêmica

Já teve alguma apresentação que tudo começou a “dar pau”? Notebook não liga, projetor apaga e o programa trava? Para evitar isso, check com antecedência se todos os aparelhos estão funcionando.

Dependendo do momento não é possível ver tudo, mas dá para conferir seus dispositivos pessoais pelo menos. Ah! Tenha certeza se seus slides foram mesmo enviados ou está em seu Pen Drive.

12- Revise os textos em slides e banners

Por falar nisso, também é muito importante que seus materiais de apoio tenham sido finalizados com antecedência para que você consiga fazer as correções necessárias e revisões. Não tem nada mais constrangedor do que um trabalho acadêmico com erros grosseiros de português.

13- Tire dúvidas antecipadamente com o professor

Da mesma forma, é totalmente possível você antecipadamente esclarecer seus questionamentos com o professor e adiantar o que não está dentro da sua compreensão. Isso ajuda ele a entender o nível de dificuldade que o trabalho está despertando em sua turma.

Caso, o seu professor não seja tão acessível você pode sempre procurar a ajuda de algum tutor ou monitor da disciplina, ou mesmo pedi que um outro colega de classe lhe auxilie.

14- Não estude no dia anterior

Um erro comum é deixar tudo para ser entregue a na última hora e entregue em cima do prazo. Essa não é uma boa estratégia, pois a quantidade de erros ignorados será bem maior.

Na verdade, o indicado é sempre deixar o dia anterior para se descansar e não se envolver em temáticas relacionadas ao trabalho.

15- Anote os Feedback do professor

Nossa última dica de apresentações acadêmicas diz respeito a resposta do professor ao seu trabalho. Sempre anote todas as críticas e sugestões, pois você pode alterar os apontamentos e se sair melhor na próxima comunicação. Vale lembrar que você não vai acertar nas primeiras vezes e que a universidade é justamente o local para fomentar esse aprendizado.

Gostou das 15 dicas de apresentações acadêmicas? Compartilhe com seus colegas de turma.

Compartilhar em mídias Sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para o topo